> Editorial  
  > Notícias Recentes  
  > Arquivo de Notícias  
 
 
 
// Notícias
 
Hospital Municipal Nossa Senhora da Luz, em Pinhais
 

A presidente da WFO, Dra. Deisi Kusztra esteve hoje no Hospital Municipal Nossa Senhora da Luz em Pinhais para realizar a doação de R$ 1.000 (Mil Reais) para a criação de uma poupança para o primeiro bebe nascido no Hospital. Esta política é adotada pela WFO, em todos os sistemas locais de saúde implantados pela Organização.

 
Ketilin Dias da Silva
 

O bebe a receber essa doação foi Ketilin Dias da Silva, que nasceu de parto normal, no dia 16 de Maio de 2010. Com esta poupança sua mãe diz que pretende guardá-la para a educação de sua filha.

 
 

O Hospital, que estava fechado há cinco anos, e que desde sua reabertura em Março de 2010 vem atendendo a população do município de Pinhais está correspondendo a todas as expectativas.

 
 
Confira abaixo uma breve entrevista com a Secretária Municipal de Saúde Vilma Serra e o Diretor Geral Asimar.
 

Vilma Serra

Secretária Vilma, como está sendo a reabertura do Hospital Municipal de Pinhais?

Secretária: Para o Município está sendo maravilhoso. É muito bom poder contar com toda esta excelente estrutura da qual toda população tanto precisa.

Em relação à questão da funcionalidade dos hospitais que a WFO vem implementando em vários Municípios, o que você destacaria particularmente no Hospital de Pinhais?

 

Secretária: Primeiramente a qualidade do atendimento da organização e todo o seu processo de construção. Além disso, a própria estrtura que é feita de forma inteligente garantindo ótima acessibilidade do paciente além de também garantir maior comodidade e segurança aos trabalhadores e funcionários.

*Lembrando que um dos diferenciais dos Hospitais da WFO é de que ele é um Hospital térreo, portanto, não há necessidade de elevadores e escadas, o que facilita enormemente a locomoção.

E como está sendo a resposta da população?

Secretária: Tem sido bastante positiva. A população esperava por essa melhoria. Todos os pacientes e gestantes que passam pelo Hospital, sentem-se orgulhosos por terem um Hospital de qualidade como este em nosso município.

 


Diretor Geral Asimar

Diretor Asimar, do ponto de vista administrativo, como tem sido a gestão do Hospital desde sua reabertura? 

Diretor: O Hospital foi reinaugurado em Março de 2010. A nossa gestão tem sido pautada preliminarmente a atender  o objetivo da Organização, de prestar serviço e atenção à comunidade mais carente, e de uma perspectiva de racionalização e qualidade no atendimento.Do ponto de vista administrativo, a grande questão que temos é a questão de espaço, corredores largos e claros, quebrando um pouco a

 

visão de um hospital público, no dia a dia, não tivemos dificuldades pois a Prefeitura nos ajuda bastante além da estrutura do Hospital.

A questão da ocupação do Hospital, no momento, o Hospital encontra-se com a ocupação em que porcentagem?

Diretor: Eu diria em torno de 65%, o que é um bom número e que continua crescendo.
E há uma previsão para quando o hospital atingirá 100% de ocupação?

Diretor: Aos 80% acredito que até em Janeiro, pois nem todos os serviços ainda foram operacionalizados, como por exemplo, cirurgia obstétrica, cirurgias voltadas a mulher.

E quando esses serviços estariam disponíveis?

Diretor: A partir de Setembro. Daí então a ocupação continuará crescendo até atingir seu nível máximo.

 
 
 
   
 
 
copyright © unapmif |